20 de dezembro de 2010

Um anónimo da Irlanda explica a crise financeira.

Sem comentários: